segunda-feira, 22 de fevereiro de 2010

Vida



Inexplicável fato. É fúria, é dúvida,é certeza
Certezas cheias de dúvidas,dúvidas cheias de certezas;
E a única certeza convicta nessa brincadeira, é o fim, ou séra um novo começo?
Revolta
A priori a vida é antonimo de liberdade, ou será que em algum momento a existência foi opção?
O começo, o meio o fim! Onde está agora? onde estava? onde estará?
Talvez seja destituida de todo e qualquer sentido!
Talvez, ela consiste na eterna busca do sentido eternamente inexistente, ou apenas incompreensível!

                                                                    
                                                                    (Aline dos  Santos-Lí)



3 comentários:

DUALYS disse...

Gostei!!! Cheio das perguntas!

Lucas disse...

Qual o sentido da vida? Como dizia meu tio sábio:"A vida é um rio que corre"

disse...

Nossa! ahahusuhas a coisa mais bonita que eu lí hoje, vou até escrever no parachoque do meu caminhão!